quarta-feira, 31 de março de 2010

Guerreiro Júnior nega interferência em processo



“Jamais interferi em processo judicial em Codó ou em qualquer comarca", afirma o corregedor-geral do TJ.



O corregedor-geral da Justiça, desembargador Antonio Guerreiro Júnior, nega qualquer interferência em processo judicial ou interpelação de juíza para que executasse liminar de integração de posse. A matéria com o assunto, publicada na edição desta terça-feira no jornal O Imparcial, diz que Guerreiro e o comandante da polícia militar, Jefferson Teles, devem ser representados na justiça. Jefferson por incitar prática de delito em declaração a um programa de TV e Guerreiro por interferir em um processo judicial.

Guerreiro nega, enfaticamente. “Jamais interferi em processo judicial em Codó ou em qualquer comarca, e jamais interpelei nenhuma juíza por qualquer assunto”, reagiu o corregedor.

As informações foram repassadas a reportagem em debate realizado na OAB-MA, nesta segunda-feira. Participaram ouvidor nacional de Direitos Humanos da Presidência da República, Ferminio Fechio, e o ouvidor regional, José Rubamar Araújo.

O desembargador disse ainda desconhecer processos de disputa de terras quilombolas em Codó. A matéria diz que ele interpelou por telefone uma juíza da comarca de Codó para liberar logo uma liminar de reitegração de posse.
A própria Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), seccional Maranhão, desmentiu a matéria. Macieira garantiu a Guerreiro, segundo a assessoria do desembargador, que “não se chegou a debater ou decidir, em nome da OAB-MA, qualquer iniciativa ou representação contra o desembargador Antonio Guerreiro Júnior, corregedor-geral da Justiça”.

Roseana Sarney é hospitalizada

A Governadora Roseana Sarney deu entrada agora pela manhã no hospital UDI no bairro do Jaracaty. Roseana chegou ao hospital próximo dás 9 e meia e chamou atenção em sua chegada pela quantidade de seguranças que a escoltavam, eram 06 (seis) seguranças mais 05 (cinco) policiais militares.

Ninguém sabia ao certo o que aconteceu a governadora, certo mesmo, é que Roseana atrevessou apressadamente o pátio do hospital e se dirigiu de imediato para atendimento médico.

segunda-feira, 29 de março de 2010

Olha a propaganda antecipada aí gente!!!!!





A foto acima, mostra mais um ato de propaganda eleitoral antecipada da governadora biônica Roseana Sarney. 


Além de ser condenada recentemente por veiculação de publicidade institucional privilegiando sua imagem – o que fere princípio da impessoalidade -, a filha do senador José Sarney pode, desta vez, sofrer mais uma representação da Justiça: o de propaganda fora de época ao governo do Estado.




É o desespero pairando nas hostes sarneysistas.

Herodes - Edson Vidigal



Augusto Nunes é um dos mais conceituados jornalistas do Brasil. O que você vai ler a seguir ele veiculou hoje no portal da Veja, sob o titulo – As Isabellas do Maranhão, numa referencia aquela menina que teria sido atirada da janela, em queda mortal.
Os leitores da coluna convivem há meses com a refinada ironia de Celso Arnaldo. Hoje, quem ainda não a conhece será apresentado à indignação do jornalista Celso Arnaldo Araújo. Perplexo com a matança de crianças maranhenses, resultante da falta de leitos na capitania hereditária da famiglia Sarney, ele conta neste post a saga das Isabellas sem-imprensa:
Acompanho, com horror e nojo, a cobertura de mais uma tragédia maranhense: a morte em série de crianças, inclusive recém-nascidas, por falta de leitos de UTI no estado.
Folha deste domingo registra a 16ª morte do ano ─ a vítima é Mayara Francelino, de 8 anos, que agonizava há nove dias, em leito comum, numa sala abafada e imunda, com meningite, à espera de uma vaga em unidade de terapia intensiva em sua cidade, Imperatriz.
Nem uma liminar obtida na Justiça, obrigando o governo maranhense a lhe oferecer UTI, mesmo que fosse em clínica particular, conseguiu materializar a tempo o tratamento que talvez lhe desse alguma chance de sobrevivência. A UTI só apareceu quando era tarde demais.
Mayara é a vítima de número 16 de mais essa incúria do governo instalado no Palácio dos Leões, em São Luís, que há mais de 40 anos abriga, com fausto, pompa e riqueza progressiva, uma família de hienas que se refestelam na carniça de seu povo. O estado tem o pior índice de IDH do país, a pior educação e o pior sistema de saúde, entre outros superlativos do mal.
No ano passado, 43 outras crianças morreram no Maranhão nas mesmas circunstâncias. O mesmo governo que sonega a essas crianças, ainda no útero das mães, condições sociais mínimas de nutrição e bem-estar, mata-as assim que vêm ao mundo, ou um pouco mais tarde, porque devem ter faltado pelo menos 13 milhões de dólares para a instalação dos necessários leitos de UTI infantil, a fim de atender às vítimas da contaminação pela miséria e pelo descaso, que resultam em baixo peso ao nascer, desnutrição, infecções oportunistas.
Ouso afirmar que os 13 milhões de dólares de Fernando Sarney que tomavam sol nas Bahamas têm a ver com as mortes dessas crianças. E que essa tragédia está intimamente relacionada à atuação dos Sarneys, que há 40 anos sugam e desgraçam o Maranhão.
Leio os jornais com horror, nojo e uma ponta de sentimento de culpa: enquanto perco tempo e verve analisando as crônicas mambembes do patriarca dessa família infame, relevo o fato de que ser o pior escritor do mundo é o mais leve de seus delitos.
Teria José Sarney a decência e a coragem de assinar um texto sobre Mayara ─ como se arvorou em fazer, numa crônica da Folha, a respeito de uma menina haitiana que ele identificou como MJ, amputada a sangue frio num hospital de campana improvisado em Porto Príncipe?
A inicial é a mesma. E há outra coincidência: MJ foi vítima de uma catástrofe natural; a pequena Mayara, também ─ a perpetuação do governo Sarney no Maranhão é uma catástrofe natural, e muito mais mortal, porque acumula danos há mais de 40 anos, instabilizando, pela miséria eterna, os níveis subterrâneos do terreno social do estado.
O governo Sarney não socorreu Mayara a tempo ─ nem com ordem judicial. Mas era uma ordem difícil mesmo de cumprir: não há leitos suficientes no estado, nem à força.
Com o cinismo que é de família, a governadora, só depois da morte de Mayara e de outras 58 crianças Sem-UTI, designou 5 milhões de reais para a criação de um punhado de leitos no hospital onde agonizou a menina - o Hospital Municipal Infantil de Imperatriz, conhecido, à propos, como Socorrinho.
Noves fora os 20 ou 30% dessa verba que vão morrer no caminho, sem passar pela futura UTI, até diretores do Socorrinho acham que a coisa vai continuar como está e novas Mayaras morrerão: para abrigar uma unidade da terapia intensiva, o hospital precisaria rever radicalmente seus padrões de higiene, que estão abaixo dos da tenda onde MJ foi amputada.
Por força de hábito, mas me sentindo a pior das criaturas, passei os olhos pela crônica de José Sarney na Folha de sexta-feira: ele continua obcecado pelo avanço da internet, que mal conhece, agora ameaçando a sobrevivência dos jornais impressos.
No final, depois daqueles raciocínios escabrosamente sem nexo de que só o pior escritor do mundo é capaz, ele sentencia, bem a seu estilo:
─ Finalmente, como o rádio e a TV não mataram o jornal, a internet não o matará. Só quem pode matá-lo é ele mesmo, querendo ser internet ou fazendo mau jornalismo.
Podemos garantir ao cronista que, mesmo que essa previsão não se concretize, e o jornal impresso vá a encontro de sua morte, as gerações futuras terão acesso, num hipotético arquivo nacional da vergonha e do escárnio, a um pedaço de papel embolorado noticiando a morte de Mayara e das demais crianças maranhenses ─ cuja lembrança, um dia, assombrará também as futuras gerações da família Sarney.
As Isabellas do Maranhão são atiradas para a morte por pais-da-pátria que nem tentam enxergá-las das janelas dos palácios. Morrem sem barulho. E acabam esquecidas na vala comum reservada aos que jamais conseguirão aparecer na primeira página do jornal.

Ministro da Pesca recebe projeto para a cidade de Pinheiro



O assessor especial do Ministério do Trabalho e Emprego, Weverton Rocha, agendou e acompanhou o prefeito de Pinheiro Zé Arlindo, numa importante reunião com o Ministro da Pesca e Aquicultura, Altemir Gregolin. Na oportunidade o prefeito Zé Arlindo apresentou projeto de construção de um Entreposto de Pescado para sua cidade.
Essa importante obra servirá para alavancar o setor produtivo da pesca em Pinheiro e também para as cidades da região da Baixada Maranhense. Trata-se de um entreposto de beneficiamento do pescado, com local de recepção, lavagem, beneficiamento, fábrica de gelo e local de comercialização.
O ministro Altemir Gregolin ficou bastante motivado em apoiar o projeto por considerá-lo estratégico para uma importante região do estado. A audiência contou também com a participação de Ezequiel Nascimento, Secretário de Políticas Públicas para o Emprego do Ministério do Trabalho, que reforçou a solicitação de Pinheiro, uma vez que visa a geração de emprego, renda, além de valorizar uma categoria gralmente despretigiada, a do pescador.
O prefeito Zé Arlindo registrou ao Ministro que “é o único prefeito do Maranhão, ex-presidente de Colônia de Pescadores, tendo portanto um compromisso de alavancar o setor produtivo da pesca em Pinheiro”.
Arlindo saiu da audiência confiante em receber o apoi institucional do Ministério da Pesca para realizar mais um sonho para sua cidade.

domingo, 28 de março de 2010

Um telefonema




Depois de tomar conhecimento do resultado do congresso estadual do PT-MA, que rejeitou a aliança com o PMDB em apoio a candidatura do deputado Flávio Dino (PC do B) ao governo do estado, Lula teria ligado a Roseana:
-Ôh Roseana, o que houve, tu não havia me dito que ganharíamos fácil essa eleição? - perguntou o presidente.
 - Eu não sei explicar Lula, fiz tudo o que foi possível, ofereci três secretarias, a vaga de vice na minha chapa, fiz pressão, chantagem, falei em teu nome, ou seja, fiz o que esteve a meu alcance e o que o dinheiro podia comprar – disse Roseana.
-Tudo bem Roseana, eu entendo, mas veja só, se vocês não estão conseguindo ganhar uma simples eleição de delegados, tendo toda uma máquina financeira governamental e a estrutura que nós demos da direção nacional, imagina vencer uma eleição para o governo - cobrou.
-P@#$% eu sabia que vocês tinham essa dificuldade de ganhar eleição no voto, mas não pensei que chegasse a esse ponto – falou irritado.
- Lula tu tem que ver que a rejeição ao Flávio no PT era muito menor. Dessa forma, queria te pedir mais um favor…
- Nem pensar Roseana, nada de intervenção nacional, já basta o golpe que aplicamos no Jackson!. Vou aqui ligar para o Flávio lhe dando os parabéns. Depois nos falamos - finaliziou a ligação.

Senado analisa modelo novo para escolha de parlamentares no país

PEC prevê que eleitor brasileiro terá direito a dois votos para eleger deputado e vereador.


BRASÍLIA - O eleitor deve ter o  
direito a dois votos distintos para  
eleger deputados federais, estaduais 

e vereadores, como previsto  
em Proposta de Emenda Constitucional  
que pode ser analisada  
pela Comissão de Constituição,  
Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado  
nesta quarta-feira. 


Um desses  
votos servirá para a escolha de  
um representante distrital e o outro  
para o partido da preferência  
do eleitor, já que metade das vagas  
em cada casa legislativa seria  
ocupada por políticos que integrem  
uma lista fechada de candidatos  
definida pelos partidos.


O novo modelo foi apresentado  
pelo senador Antônio Carlos  
Valadares (PSB), com o apoio de 
mais 43 senadores. A idéia é substituir  
o atual sistema de escolha  
dos parlamentares, baseado apenas  
no voto proporcional, por um  
sistema misto que junte essa alternativa,  
com lista fechada de 
candidatos, ao voto majoritário  
destinado a eleger para cada uma  
das casas parlamentares também 
um representante originário dos  
chamados distritos de cada estado  
ou município.

Cheiro de derrota no Ar

Ontem (28/03) começamos a ter demonstrações que o dinheiro não irá falar mais alto nesta eleição, Explico:


A atual Governadora do Maranhão, Roseana Sarney, tentou de tudo comprar os delegados do PT/MA, para compor  a chapa dela, na eleição deste ano. O próprio grupo Sarney, chegou a afirmar que ofereceram 6 secretarias para o PT.


E o que se sabe é que, além dessas secretarias, foi oferecido também muito dinheiro.E o que aconteceu? Derrota!!!!!

Tenho dito aos que me perguntam sobre o quadro dessa eleição que: "A Roseana, acostumada com sua velha técnica de achar que todo mundo tem um preço, acha que vencerá essa eleição. Engana-se ela. A vontade popular vai falar mais alto, Roseana irá perder essa eleição e por fim o clão Sarney Chegará ao FIM!!!!". 

O fato ocorrido ontem - O PT não coligar com a Roseana - é uma prova que corrobora o que eu digo. 

Vamos a luta!! 

Sarney deve ser internado nas próximas horas

O atual Presidente do Senado será internado nas próximas horas no Sírio Libanês em São Paulo para retirada, já pela segunda vez, de um tumor na boca. 
O tumor, dizem os médicos, é benigno.

IDÉIAS PARA SALVAR O PLANETA




Alguns dos maiores cientistas do mundo encontram três visionários. Juntos, eles irão testar as idéias mais ambiciosas de geo-engenharia que solucionariam o aquecimento global em IDÉIAS PARA SALVAR O PLANETA.

Projetos audaciosos que vão desde a cobertura de grandes geleiras na Groenlândia com mantas de proteção, à construção de foguetes espaciais para que sejam colocadas em órbita pequenas lentes refletoras, até o plantio de milhares de brotos por meio de maciços lançamentos aéreos para o reflorestamento de áreas infrutíferas, são analisados e testados a cada episódio. 

As idéias mostradas colocam à prova os limites da ciência e da tecnologia, mas será que elas irão produzir resultados igualmente impactantes?
Trabalhando junto aos cientistas nos experimentos está a força-tarefa de IDÉIAS PARA SALVAR O PLANETA, composta por visionários que contribuem com especialidades distintas:

 Jennifer Languell, engenheira e construtora de casas ecológicas, conhecida pela fala dura;
 Basil Singer, o menino-prodígio da ciência; e finalmente, o homem de negócios que pode financiar o impossível, o capitalista de risco Kevin O'Leary.

IDÉIAS PARA SALVAR O PLANETA abrange o globo todo, apontando áreas tanto de preocupação quanto de oportunidades ao combate ao aquecimento global. As experiências incluem:
  • Interromper o Derretimento Glacial
    Dr. Jason Box, um especialista em geleiras da Ohio State University, pretende evitar que as geleiras se derretam ao cobri-las com mantas que irão refletir a energia do sol. 
Florestas Tropicais
    Após a devastação causada pelos furacões Katrina e Rita, milhares de acres de florestas de mangue da Louisiana foram destruídos. A imensa faixa de terra se apresenta como o campo de provas perfeito para a idéia do cientista Mark Hodges’: utilizar um avião para lançar dezenas de milhares de tubos, cada um contendo três mudas para o reflorestamento da área. 
  • Nuvens Brilhantes
    John Latham, um físico especialista em atmosfera do Centro Nacional para Pesquisas Atmosféricas no Colorado, e Stephen Salter, um engenheiro da Universidade de Edimburgo, acreditam que se alterarem o tamanho das gotas de água nas nuvens, elas poderiam refletir a luz solar e interromper o aquecimento global. Colocar a idéia em prática demanda uma pequena frota de navios que irão cruzar os oceanos do mundo.
  • Turbina
    Fred Fergussen, um engenheiro canadense especializado em aeronaves, projetou uma revolucionária turbina que utilizaria os ventos constantes que existem a 1.000 pés acima do nível do mar para produzir energia renovável. O teste consiste em permanecer no céu por 24 horas e gerar energia necessária para atender a uma unidade de purificação de água.
  • Lavando o Ar
    Que tal se pudéssemos solucionar o problema do aquecimento global com a simples remoção do dióxido de carbono antes que ele tenha a oportunidade de aderir à camada de gases de efeito-estufa que sufocam o planeta? O professor canadense David Keith – eleito Cientista Canadense Ambientalista-Geógrafo do Ano em 2006 – acredita que isso é possível com a ajuda de uma máquina que aspira o ar ambiente, pulveriza-o com uma solução de hidróxido de sódio e então o expele como ar limpo. 
  • Energia Solar Espacial
    Poderíamos ter uma fonte inesgotável de energia e ao mesmo tempo reduzir nossas emissões de carbono a quase zero com o envio de milhares de satélites que coletariam a energia do sol e então a enviariam de volta à terra em forma de micro-ondas? O ex-físico da NASA, John Mankins, coloca sua teoria em prática. 
  • Tubos Oceânicos
    Os oceanos cobrem 70% do nosso planeta e são o mais importante escoadouro de carbono de que dispomos, mas o fitoplâncton que converte dióxido de carbono em matéria viva está se esgotando com o aquecimento global. Dr. Brian von Herzen, do California Institute of Technology, irá empregar cinco bombas movidas pelas gigantescas ondas do Havaí numa tentativa de restaurar esse vital efeito misturador natural. 
  • Toldo Espacial
    O astrônomo e professor Roger Angel acredita ser capaz de difratar a energia solar com a colocação de trilhões de lentes no espaço para a criação de um “toldo” de gigantescas dimensões. Veja como essas lentes são construídas e como o sistema de lançamento do foguete é testado. 

sábado, 27 de março de 2010

O PT é Flavio Dino






O PT do Maranhão honrou a sua história e rejeitou agora a pouco a aliança com o PMDB de Roseana Sarney e definiu apoio ao deputado federal Flávio Dino (PC do B).

O grupo liderado pelo suplente Washington Oliveira foi derrotado por 87 a 85, em uma tarde memorável, onde não adiantou as ofertas de Roseana.

A vitória dos grupos que apóiam o candidato comunista começou a ser desenhada logo no início da tarde, quando o partido decidiu que realizaria uma prévia para defunir a candidatura ao Senado.

Na reunião de quinta-feira com o grupo Oliveira ele prometeu a vaga de vice ao partido, mas sob a condição de o PT apoiar João Alberto para o Senado.

É HOJE - A HORA DO PLANETA!!



A Hora do Planeta é uma campanha mundial da rede WWF. 


Queremos mobilizar 1 bilhão de pessoas em todo o planeta. 
Vamos mostrar aos líderes dos governos e a toda a sociedade que é hora de combater as causas do aquecimento global. 


A Hora do Planeta é o maior movimento da História em defesa do meio ambiente. Você não pode ficar de fora!


Espalhe para todos os seus amigos e conhecidos.  E no dia 27 de março - HOJE - das 20h30 às 21h30, apague as luzes do local onde você estiver.

Se você faz parte de alguma empresa, escola, igreja ou qualquer outro tipo de organização, apague as luzes das suas instalações e seja um apoiador da Hora do Planeta.

sexta-feira, 26 de março de 2010

Inscrições para o 'Projovem Trabalhador - Juventude Cidadã' vão até este domingo





As inscrições para o programa “Projovem Trabalhador – Juventude Cidadã” podem ser feitas até este domingo (28), das 09h00 às 17h00, na sede da Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento (Semapa), na BR-153. A Prefeitura de São Luís disponibilizou 23 polos de cadastramento da Zona Rural da capital, que inscreveram até esta sexta-feira (26).
Os locais dos polos podem ser acessados pelo portal da Prefeitura de São Luís (www.saoluis.ma.gov.br). Para a inscrição, o interessado precisa apresentar carteira de identidade, CPF, comprovante de residência e declaração escolar ou certificado de conclusão do ensino fundamental ou médio.
A procura pelo programa no Centro Comunitário do Rio Grande foi intensa desde as primeiras horas da manhã desta sexta-feira (26). Para este polo, foram destinados os cursos de Saúde e Inspeção Sanitária de Produtos de Origem Animal e de Agroextrativismo para o cultivo regional de olericultura (área da horticultura que abrange a exploração de hortaliças e que engloba culturas folhosas, raízes e frutos diversos).
De acordo com o presidente do Centro Comunitário, João Batista Rodrigues Teixeira, a demanda está sendo maior do que a oferta, uma vez que os jovens dessa região rural de São Luís têm interesse em se qualificar para conseguir um emprego.
“O programa é uma oportunidade para esta juventude que, muitas vezes, fica sem fazer nada e leva uma vida sedentária. Por isso, estamos lutando junto à Semapa para colocarmos, também, o curso Saúde Alternativa para que os jovens tenham mais uma opção e todos possam se inscrever”, ressaltou Batista.
A desempregada Marynalva Barbosa Diniz, 23 anos, aproveitou a oportunidade para se inscrever no curso de Agroextrativismo. “Atualmente, estou sem emprego e este curso será uma chance de qualificação profissional para, a partir daí, eu conseguir um trabalho por aqui mesmo”, afirmou.
Já o estudante Tyago Martins, de 18 anos, ajuda o pai no sustento da família como soldador e também pretende fazer um dos cursos oferecidos pelo programa para obter um emprego. “A procura aqui é muito grande, mas eu espero ser classificado para o curso de Saúde e Inspeção Sanitária, o mais solicitado por todos nós pela possibilidade de trabalho em nossa região”, afirmou.
O programa “Projovem Trabalhador – Juventude Cidadã” beneficiará dois mil jovens de 18 a 29 anos, oriundos da Zona Rural e periurbana de São Luís, que estejam em situação de desemprego e sejam membros de famílias com renda mensal per capita de até um salário mínimo e que, em virtude de suas condições socioeconômicas, tenham maior dificuldade de inserção na atividade produtiva, ou seja, de maior vulnerabilidade.
Oportunidades de trabalho - Lançado pelo prefeito João Castelo e pelo ministro do Trabalho e Emprego, Carlos Lupi, em dezembro de 2009, no Palácio La Ravardière, o convênio tem valor de R$ 4 milhões, e visa à criação de oportunidades de emprego e renda. Por meio do programa, do governo federal, será oferecida uma qualificação sócio-profissional para os jovens de famílias carentes com vistas à inserção na atividade produtiva.
Para serem beneficiados pelo Projovem Trabalhador, os jovens precisam estar cursando ou ter concluído o ensino fundamental ou o ensino médio e não podem estar cursando e nem ter concluído o ensino superior. O programa oferece material escolar (caderno, caneta, lápis, borracha e apostilas), uniforme e auxílio financeiro no valor de R$ 100,00 (cem reais), durante seis meses. 
(Da Secom / Prefeitura de São Luís)

quinta-feira, 25 de março de 2010

Resposta ao Jornal Pequeno

Caro Ricardo Santos,

Fui avisado por colegas que havia em seu blog uma notícia que me ligava a figura do Deputado Sarney Filho – quanto a um processo que foi julgado nesta terça – feira (23/03) no TRE/MA.

O que houve foi que, na época (2006) eu realmente estava compondo o grupo que coordenava a campanha da candidata Roseana Sarney (através do escritório político do Deputado Sarney Filho), em São Luís, e uma líder comunitária – Raimunda Lima Sousa - que apoiava a candidata Roseana Sarney, foi acusada de estar comprando voto.

O processo que estava em pauta na data de ontem, tendo como parte o Deputado Sarney Filho, tratava-se de denúncia por um suposto de abuso de poder econômico – denúncia esta que não prosperou – confirmado pelo o pleno do TRE/MA, e não o que figurava como parte a líder comunitária Raimunda Lima.

O processo no qual você tenta ligar a minha pessoa a do Deputado Sarney Filho – o caso da líder comunitária Raimunda Lima – já foi analisado em primeira instância (transitado e julgado), sendo julgado improcedente, por falta de provas – creio que por conta da inconsistência dos fatos – decisão esta no mesmo sentido do ministério público eleitoral, que opinou pela a improcedência da denúncia, e registre-se: NUNCA FUI PARTE NESTE PROCESSO, NEM O DEPUTADO SARNEY FILHO!!

O que devem estar ligando a minha pessoa a este caso é que, na época, uma Ex-Namorada minha foi advogada do referido processo. Eu, como estudante do curso de direito, acompanhei todo o rito processual de perto, somente isso, mas reafirmo: NUNCA FUI PARTE NESTE PROCESSO!

Hoje o meu relacionamento com o Deputado Sarney Filho é por respeito e consideração, estamos em lados diferentes – Politicamente.

Com tais fatos, creio que essa notícia publicada em seu Blog, fica mais do que provada a inconsistência da referida. 

quarta-feira, 24 de março de 2010

Werverton Rocha:”Só existem dois lados na política do Maranhão, os que estão com a família Sarney, e os que estão contra”

Polêmico e sem medo de enfrentar questões incômodas, o assessor especial do Ministério do Trabalho e Emprego, Weverton Rocha concedeu entrevista ao Jornal Pequeno, edição de domingo (21), que ainda repercute no meio político maranhense. Leia, abaixo, os princinpais trechos da entrevista:
Assessoria especial do Ministério do Trabalho e Emprego

É uma experiência edificante, muito boa. Conhecendo minha trajetória nos movimentos estudantis e na Juventude do PDT, o ministro Carlos Lupi e toda a equipe do Ministério do Trabalho têm em mim a confiança de que faria um bom trabalho. (…) Cheguei ao Ministério atendo um convite do ministro Carlos Lupi, que é presidente nacional licenciado. 










































































































































































































































































































- Programas para a Juventude
São dois programas importantes voltados a jovens entre 18 e 29 anos. O ProJovem Urbano pretende a elevação da escolaridade. O jovem vai estudar e recebe o material, lanche, transporte, fardamento e ajuda de custo de R$ 100. Durante 20 meses esse jovem participa do programa e ao final estará com seu diploma, e o mais importante, sua auto-estima resgatada para que ele possa continuar estudando e tornar-se uma pessoa ciente de seus direitos. O ProJovem Trabalhador é outro projeto importante que visa a qualificação profissional.



- Rotina em Brasília
Nós recebemos as demandas dos municípios e estados brasileiros. Ou seja, eles provocam a atuação do Ministério do Trabalho se inscrevendo no programa, a partir daí é feito um diagnóstico, uma avaliação da viabilidade e das potencialidades da região considerando o direcionamento econômico, cultural e turístico para definir o tipo de trabalho e da mão-de-obra a ser qualificada. Atuo como representante do Ministério do Trabalho para fazer essa avaliação e fechar essas parcerias. Sejam estados grandes ou pequenos: São Paulo, Santa Catarina, Rio de Janeiro, Piauí, Maranhão e até Brasília.
- Favorecimento do Maranhão

Já nos disseram diretamente que puxamos a brasa para a sardinha maranhense. Mas, quando o ministro Carlos Lupi veio ao Estado, ele visitou oito cidades durante três dias e assinou os convênios com as prefeituras ele próprio, nas câmaras, em praça pública, ou seja, atos transparentes. Pinheiro, Icatu, Santa Rita, Grajaú, Timom, enfim, cidades que nunca tinham recebido um ministro de estado. E se dizem que eu puxo a brasa para o Maranhão eu assumo e faremos tudo para nivelar o Maranhão aos demais estados, afinal são anos de desigualdade que precisamos combater.
- Desenvolvimento dos programas no Maranhão

Eu constato em depoimentos de familiares e dos próprios jovens participantes que a oportunidade de fazer parte destes programas mudou para melhor suas vidas. A maioria parte destes jovens estava ociosa, mas interessada, querendo oportunidade e o programa faz isso. Temos uma meta onde 30% desta mão-de-obra qualificada será absorvida pelo mercado por meio das empresas parceiras.
- Utilização dos programas pelo governo atual governo

Quem conhece a oligarquia sabe que esta é a forma de agir deles. Na falta de competência para a promoção de políticas públicas, eles conseguem maquiar, de forma bem eficiente, a realidade. Mas, governar o estado não deve se resumir a cuidar das pessoas por meio do assistencialismo paternalista. Esse programa é do governo federal articulado por nós. O que se desenvolve agora é a nossa meta de incluir R$ 15 mil jovens. A nova etapa, que deveria ser iniciada agora em 2010 está parada. São 20 mil jovens que estão perdendo uma oportunidade de se profissionalizar.
- Secretaria saneada

Deixamos as finanças da Secretaria de Esporte e Juventude totalmente sanadas. Tudo que utilizamos quando saímos foram verbas oriundas de suplementação orçamentária, ou seja, créditos adicionais, dinheiro não previsto no orçamento que conseguimos junto ao governo federal. Dos recursos da Secretaria não foram utilizados nem 10%. Tudo que estava nos cofres para ser investido em 2009 ficou para que fosse administrado pela atual gestão.
- Perseguição política

Não só acredito como tenho certeza [da perseguição política]. Não tem outra razão. São ataques direcionados a um jovem que vem realizando um grande trabalho e se destacando sem fazer qualquer tipo de acordo ou pedir benção a eles, pois a política deles é a de tentar destruir qualquer um que seja seu adversário.
- O PDT e eleições 2010

O PDT de Jackson Lago terá autonomia para montar seu palanque no Maranhão. Jackson Lago vai reunir todos os partidos que possam colaborar na construção de uma vitória do Maranhão em 2010, seja com qual partido for. O PDT nacional vai apoiar Dilma Roussef, mas no Maranhão a decisão que Jackson tomar será respeitada. Os partidos que ficarem com Sarney com certeza não vão compor conosco. Só existem dois lados na política do Maranhão, os que estão com a família Sarney, e os que estão contra eles.
- Pré-candidatura

Sou pré-candidato a deputado federal. O nosso partido tem o projeto de eleger 50 deputados federais no Brasil. Nós podemos contribuir com uma bancada nacional não só pela quantidade, mas pela qualidade.
- Bandeiras

Vamos lutar para que o trabalhador tenha seu direito e suas garantias trabalhistas preservados. Para a nossa juventude vamos realizar projetos voltados à educação e oportunizar a eles acesso às políticas de trabalho. Então, é um tripé: educação, trabalho e juventude.
- Expectativas das eleições

Espero que possamos compreender o governo Jackson Lago (…). A maioria dos maranhenses votou em Jackson Lago para ser o governador do Maranhão por quatro anos, ele infelizmente só governou por dois. Todos sabem a forma abusiva usada por Sarney para tirar Jackson Lago do governo. Por causa de quatro ministros que não conheciam a situação do Estado, o governador foi arrancado do cargo. São Luís o conhece(…). Então, peço que cada eleitor avalie e analise cada proposta, para que possamos escolher bons e comprometidos representantes para nosso estado.