domingo, 28 de março de 2010

IDÉIAS PARA SALVAR O PLANETA




Alguns dos maiores cientistas do mundo encontram três visionários. Juntos, eles irão testar as idéias mais ambiciosas de geo-engenharia que solucionariam o aquecimento global em IDÉIAS PARA SALVAR O PLANETA.

Projetos audaciosos que vão desde a cobertura de grandes geleiras na Groenlândia com mantas de proteção, à construção de foguetes espaciais para que sejam colocadas em órbita pequenas lentes refletoras, até o plantio de milhares de brotos por meio de maciços lançamentos aéreos para o reflorestamento de áreas infrutíferas, são analisados e testados a cada episódio. 

As idéias mostradas colocam à prova os limites da ciência e da tecnologia, mas será que elas irão produzir resultados igualmente impactantes?
Trabalhando junto aos cientistas nos experimentos está a força-tarefa de IDÉIAS PARA SALVAR O PLANETA, composta por visionários que contribuem com especialidades distintas:

 Jennifer Languell, engenheira e construtora de casas ecológicas, conhecida pela fala dura;
 Basil Singer, o menino-prodígio da ciência; e finalmente, o homem de negócios que pode financiar o impossível, o capitalista de risco Kevin O'Leary.

IDÉIAS PARA SALVAR O PLANETA abrange o globo todo, apontando áreas tanto de preocupação quanto de oportunidades ao combate ao aquecimento global. As experiências incluem:
  • Interromper o Derretimento Glacial
    Dr. Jason Box, um especialista em geleiras da Ohio State University, pretende evitar que as geleiras se derretam ao cobri-las com mantas que irão refletir a energia do sol. 
Florestas Tropicais
    Após a devastação causada pelos furacões Katrina e Rita, milhares de acres de florestas de mangue da Louisiana foram destruídos. A imensa faixa de terra se apresenta como o campo de provas perfeito para a idéia do cientista Mark Hodges’: utilizar um avião para lançar dezenas de milhares de tubos, cada um contendo três mudas para o reflorestamento da área. 
  • Nuvens Brilhantes
    John Latham, um físico especialista em atmosfera do Centro Nacional para Pesquisas Atmosféricas no Colorado, e Stephen Salter, um engenheiro da Universidade de Edimburgo, acreditam que se alterarem o tamanho das gotas de água nas nuvens, elas poderiam refletir a luz solar e interromper o aquecimento global. Colocar a idéia em prática demanda uma pequena frota de navios que irão cruzar os oceanos do mundo.
  • Turbina
    Fred Fergussen, um engenheiro canadense especializado em aeronaves, projetou uma revolucionária turbina que utilizaria os ventos constantes que existem a 1.000 pés acima do nível do mar para produzir energia renovável. O teste consiste em permanecer no céu por 24 horas e gerar energia necessária para atender a uma unidade de purificação de água.
  • Lavando o Ar
    Que tal se pudéssemos solucionar o problema do aquecimento global com a simples remoção do dióxido de carbono antes que ele tenha a oportunidade de aderir à camada de gases de efeito-estufa que sufocam o planeta? O professor canadense David Keith – eleito Cientista Canadense Ambientalista-Geógrafo do Ano em 2006 – acredita que isso é possível com a ajuda de uma máquina que aspira o ar ambiente, pulveriza-o com uma solução de hidróxido de sódio e então o expele como ar limpo. 
  • Energia Solar Espacial
    Poderíamos ter uma fonte inesgotável de energia e ao mesmo tempo reduzir nossas emissões de carbono a quase zero com o envio de milhares de satélites que coletariam a energia do sol e então a enviariam de volta à terra em forma de micro-ondas? O ex-físico da NASA, John Mankins, coloca sua teoria em prática. 
  • Tubos Oceânicos
    Os oceanos cobrem 70% do nosso planeta e são o mais importante escoadouro de carbono de que dispomos, mas o fitoplâncton que converte dióxido de carbono em matéria viva está se esgotando com o aquecimento global. Dr. Brian von Herzen, do California Institute of Technology, irá empregar cinco bombas movidas pelas gigantescas ondas do Havaí numa tentativa de restaurar esse vital efeito misturador natural. 
  • Toldo Espacial
    O astrônomo e professor Roger Angel acredita ser capaz de difratar a energia solar com a colocação de trilhões de lentes no espaço para a criação de um “toldo” de gigantescas dimensões. Veja como essas lentes são construídas e como o sistema de lançamento do foguete é testado. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário