terça-feira, 16 de março de 2010

Notas Rápidas

" Federalizado " é?
A coluna Estado Maior do sistema mentira, traz no dia de hoje a seguinte informação :


"Federalizado
Ficou muito mais grave a situação do ex-secretário de Esporte e Juventude, Weverton Rocha (PDT), após denúncia do Ministério Público Federal. Com mais essa investigação, ganham corpo as denúncias contra o pedetista na Justiça Federal, muito mais ágil em se tratando destes casos. Rocha pode ser alvo, agora, de quebra de sigilo bancário e telefônico pela Polícia Federal". 


Como se vê na nota, o sistema mentira entende bem como funciona o rito processual da justiça federal, explico: O seu chefe maior, " Fernandinho Boizinho danado " está sob investigação da justiça federal (Operação Boi Barrica), e eles sabem o quanto seu chefe anda com o risco de ser preso. Por isso meus caros leitores, eles demonstram tanto conhecimento quanto ao rito processual na justiça federal. 




Mesa diretora da AL resolve dar posse ao Desesperado Luiz Pedro


A mesa diretora da Assembleia Legislativa resolveu nesta segunda-feira cumprir a decisão do TRE de forma imediata e declarou vaga a cadeira ocupada pelo deputado Chico Leitoa (PDT), que teve o seu diploma cassado, na última terça-feira, pelo tribunal da Areinha.
Em seu lugar deve tomar posse o suplente- desesperado por uma boquinha, Luís Pedro (PTC), ex-chefe de gabinete do governo Jackson Lago, que travou durante toda a semana uma verdadeira batalha jurídica e campal para garantir o seu mandato.





Por que tu não me paga sacana?




O advogado da Limp Fort, Manoel Selinto, afirmou que a Prefeitura está com uma dívida de R$ 12 milhões com a empresa, que ainda tem um ano de contrato com o município. A Prefeitura de São Luís decidiu romper o contrato de prestação do serviço de limpeza pública com a empresa pernambucana.
Segundo o advogado da Limp Fort, Manoel Selinto, esse rompimento pode ser muito oneroso para o Município, já que a multa acordada no contrato 025/2008, firmado em 2008, será muita alta para os cofres públicos. "A Prefeitura vem acumulando uma dívida de R$ 12 milhões com a empresa, isso sem contar o valor da multa pela quebra de contrato. O valor dessa multa nós ainda não vamos divulgar, mas eu posso adiantar que vai ser muito alto", disse.




Ainda Sobre a LimPfort


Um detalhe que ninguem está atentando é que será contratada uma nova empresa de coleta de lixo de forma emergencial, ou seja, a gestão Castelo deve dar esse contrato "singelo" pra algum "Castelista" de coração.





Nenhum comentário:

Postar um comentário