quarta-feira, 24 de março de 2010

Werverton Rocha:”Só existem dois lados na política do Maranhão, os que estão com a família Sarney, e os que estão contra”

Polêmico e sem medo de enfrentar questões incômodas, o assessor especial do Ministério do Trabalho e Emprego, Weverton Rocha concedeu entrevista ao Jornal Pequeno, edição de domingo (21), que ainda repercute no meio político maranhense. Leia, abaixo, os princinpais trechos da entrevista:
Assessoria especial do Ministério do Trabalho e Emprego

É uma experiência edificante, muito boa. Conhecendo minha trajetória nos movimentos estudantis e na Juventude do PDT, o ministro Carlos Lupi e toda a equipe do Ministério do Trabalho têm em mim a confiança de que faria um bom trabalho. (…) Cheguei ao Ministério atendo um convite do ministro Carlos Lupi, que é presidente nacional licenciado. 










































































































































































































































































































- Programas para a Juventude
São dois programas importantes voltados a jovens entre 18 e 29 anos. O ProJovem Urbano pretende a elevação da escolaridade. O jovem vai estudar e recebe o material, lanche, transporte, fardamento e ajuda de custo de R$ 100. Durante 20 meses esse jovem participa do programa e ao final estará com seu diploma, e o mais importante, sua auto-estima resgatada para que ele possa continuar estudando e tornar-se uma pessoa ciente de seus direitos. O ProJovem Trabalhador é outro projeto importante que visa a qualificação profissional.



- Rotina em Brasília
Nós recebemos as demandas dos municípios e estados brasileiros. Ou seja, eles provocam a atuação do Ministério do Trabalho se inscrevendo no programa, a partir daí é feito um diagnóstico, uma avaliação da viabilidade e das potencialidades da região considerando o direcionamento econômico, cultural e turístico para definir o tipo de trabalho e da mão-de-obra a ser qualificada. Atuo como representante do Ministério do Trabalho para fazer essa avaliação e fechar essas parcerias. Sejam estados grandes ou pequenos: São Paulo, Santa Catarina, Rio de Janeiro, Piauí, Maranhão e até Brasília.
- Favorecimento do Maranhão

Já nos disseram diretamente que puxamos a brasa para a sardinha maranhense. Mas, quando o ministro Carlos Lupi veio ao Estado, ele visitou oito cidades durante três dias e assinou os convênios com as prefeituras ele próprio, nas câmaras, em praça pública, ou seja, atos transparentes. Pinheiro, Icatu, Santa Rita, Grajaú, Timom, enfim, cidades que nunca tinham recebido um ministro de estado. E se dizem que eu puxo a brasa para o Maranhão eu assumo e faremos tudo para nivelar o Maranhão aos demais estados, afinal são anos de desigualdade que precisamos combater.
- Desenvolvimento dos programas no Maranhão

Eu constato em depoimentos de familiares e dos próprios jovens participantes que a oportunidade de fazer parte destes programas mudou para melhor suas vidas. A maioria parte destes jovens estava ociosa, mas interessada, querendo oportunidade e o programa faz isso. Temos uma meta onde 30% desta mão-de-obra qualificada será absorvida pelo mercado por meio das empresas parceiras.
- Utilização dos programas pelo governo atual governo

Quem conhece a oligarquia sabe que esta é a forma de agir deles. Na falta de competência para a promoção de políticas públicas, eles conseguem maquiar, de forma bem eficiente, a realidade. Mas, governar o estado não deve se resumir a cuidar das pessoas por meio do assistencialismo paternalista. Esse programa é do governo federal articulado por nós. O que se desenvolve agora é a nossa meta de incluir R$ 15 mil jovens. A nova etapa, que deveria ser iniciada agora em 2010 está parada. São 20 mil jovens que estão perdendo uma oportunidade de se profissionalizar.
- Secretaria saneada

Deixamos as finanças da Secretaria de Esporte e Juventude totalmente sanadas. Tudo que utilizamos quando saímos foram verbas oriundas de suplementação orçamentária, ou seja, créditos adicionais, dinheiro não previsto no orçamento que conseguimos junto ao governo federal. Dos recursos da Secretaria não foram utilizados nem 10%. Tudo que estava nos cofres para ser investido em 2009 ficou para que fosse administrado pela atual gestão.
- Perseguição política

Não só acredito como tenho certeza [da perseguição política]. Não tem outra razão. São ataques direcionados a um jovem que vem realizando um grande trabalho e se destacando sem fazer qualquer tipo de acordo ou pedir benção a eles, pois a política deles é a de tentar destruir qualquer um que seja seu adversário.
- O PDT e eleições 2010

O PDT de Jackson Lago terá autonomia para montar seu palanque no Maranhão. Jackson Lago vai reunir todos os partidos que possam colaborar na construção de uma vitória do Maranhão em 2010, seja com qual partido for. O PDT nacional vai apoiar Dilma Roussef, mas no Maranhão a decisão que Jackson tomar será respeitada. Os partidos que ficarem com Sarney com certeza não vão compor conosco. Só existem dois lados na política do Maranhão, os que estão com a família Sarney, e os que estão contra eles.
- Pré-candidatura

Sou pré-candidato a deputado federal. O nosso partido tem o projeto de eleger 50 deputados federais no Brasil. Nós podemos contribuir com uma bancada nacional não só pela quantidade, mas pela qualidade.
- Bandeiras

Vamos lutar para que o trabalhador tenha seu direito e suas garantias trabalhistas preservados. Para a nossa juventude vamos realizar projetos voltados à educação e oportunizar a eles acesso às políticas de trabalho. Então, é um tripé: educação, trabalho e juventude.
- Expectativas das eleições

Espero que possamos compreender o governo Jackson Lago (…). A maioria dos maranhenses votou em Jackson Lago para ser o governador do Maranhão por quatro anos, ele infelizmente só governou por dois. Todos sabem a forma abusiva usada por Sarney para tirar Jackson Lago do governo. Por causa de quatro ministros que não conheciam a situação do Estado, o governador foi arrancado do cargo. São Luís o conhece(…). Então, peço que cada eleitor avalie e analise cada proposta, para que possamos escolher bons e comprometidos representantes para nosso estado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário